O QUE É O REINO DE DEUS?

Postado por Victor Nascimento no dia 26 maio, 2015

O que é o reino de Deus?

Quando Jesus nos ensina a orar, a segunda coisa aprendemos é que devemos almejar o Reino de Deus e “invocá-lo”. Além disso uma das bases da pregação de Jesus (e de João Batista) era convidar as pessoas ao arrependimento pois era chegado o Reino dos Céus (Mateus 4:17). Porém fica a pergunta: o que de fato é o Reino de Deus?

A bíblia tem várias citações sobre o Reino de Deus. Em Mateus 13, por exemplo, há uma série de parábolas conhecidas como “As Parábolas do Reino” e em praticamente todas, Jesus começa dizendo: “O reino dos céus é semelhante a(…)” Provavelmente Jesus nos traz essas parábolas para que através da comparação nós saibamos reconhecer o Reino dos Céus. Mas ainda assim, as parábolas somente não nos permitem responder com exatidão o que é o Reino de Deus, já que nem os próprios discípulos entendiam as parábola. Alguns estudiosos buscaram definir o Reino e é interessante conhecermos tais definições:

  • Adolf von Harnack: o reino de Deus é um poder interior que entra na alma humana e se apossa dela;
  • Albert Schweitzer: entendia o reino como a esfera apocalíptica a ser inaugurada por um ato sobrenatural de Deus quando a história cessa, e tem início uma nova ordem celestial de existência.
  • Agostinho: o reino de Deus é a igreja. (Baseado na visão de Agostinho, alguns estudiosos dizem que a missão da igreja é ganhar o mundo inteiro e transformar o mundo no Reino de Deus).

Dessas ideias, surge outra pergunta: como podem existir definições e teorias tão diferentes sobre o mesmo tema? A própria bíblia trata o Reino de Deus com características diferentes que possibilitam essas interpretações. Em 2 Pedro 1:11 nós temos a ideia de que ainda entraremos no reino, porém em Colossenses 1:13 é possível interpretar que nós já vivemos no reino.

O próprio Jesus diz isso de formas diferentes. Em Lucas 17: 20,21 Ele diz que o reino não é visível e já está entre nós. Depois em João 18:36 Ele diz que o reino não é deste mundo. Em Mateus 25:34 Jesus também nos diz que no dia do julgamento seremos chamados para possuir o reino.

Se a bíblia e até o próprio Jesus traz visões tão diferentes sobre o Reino de Deus, como podemos entende-lo?
Para entender o que é o Reino de Deus, precisamos compreender que um reino (de maneira geral) é composto por 3 características:

  • Estado comandado por um rei: nesse sentido, entendemos o reino como um local, extensão territorial comandada por um líder. Por exemplo, na época do Grande Império Romano, praticamente toda a extensão territorial conhecida fazia parte de Roma.
  • Conjunto de súditos de uma monarquia: pessoas sob o domínio de um líder. Não faz o menor sentido que um reino seja formado apenas por uma extensão territorial. É preciso ter pessoas dentro desse local.
  • O reinado, ou seja, a soberania do rei: para reinar não basta simplesmente se intitular um líder, é preciso ter autoridade para governar.

É dessa forma que nós entendemos o que é o Reino de Deus. Ele tem essas três características. Temos um Rei que é soberano; que exerce autoridade sobre os seus súditos; e que tem para nós um lugar preparado. Hoje, nós vivemos o Reino de Deus baseado nas primeiras características, mas tendo também fé de que herdaremos o “local” preparado para nós. Por isso quando oramos “venha o Teu reino”, nós reconhecemos a soberania de Deus, aceitamos a Sua autoridade sobre as nossas vidas e desejamos um dia nos encontrar com Ele, face a face!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *